EXPOSIÇÃO: A presença ausente do traço

Abertura
 26/06/2017 às 18h
Visitação gratuita
 26/06/2017 até 27/07/2017 das 07:00 as 21:00
Local
Biblioteca Central "Fernando de Castro Moraes"

A presença ausente do traço é a utilização da hachura, técnica de desenho que seria o traçado de linhas finas, paralelas e ou muito próximas umas das outras para produzir o efeito de sombra e ou meio-tom. Os desenhos são uma tentativa frustrada de alcançar a representação real da forma humana utilizando a técnica. Em alguns pontos do desenho há a falta do traçado, em outros há o excesso que se dissipa ou o aproxima da representação real da forma humana. A presença do traçado nunca chega a ser plena, assim a ausência está presente em todo o trabalho. Nas representações a proposta foi trazer histórias dramáticas sendo um pouco complicadas e não convencionais da vida cotidiana, um lado emocional cru e real de nós que
tentamos, muitas vezes, manter em particular.  Um poema sobre a presença ausente de Alda Corrêa Mendes Moreira

 

 

PRESENÇA AUSENTE

Um retrato rasgado,
mas um retrato amado.
Uma alma abandonada
à infelicidade de uma eterna saudade.
Vôo vazio
de uma vida desvivida.
Uma vida sem esperança
de um renascer.
Vivendo apenas
de lembranças.
Triste angústia de uma ausência.
Imagem amarga somente
de um coração doente.
Vazio de paixão.
Cheio de solidão!
 

Reitor da Universidade Federal do Espirito Santo
Reinaldo Centoducatte
Vice-reitora
 Ethel Maciel
Diretor do Sistema de Bibliotecas (SIBI/UFES)
Fabio Massanti Medina
Superintendencia de Cultura e Comunicação
 Edgard Rebouças
Secretaria de Cultura
Rogério Borges de Oliveira
Coordenação do Núcleo de Cultura do SIB:
Djair Rodrigues de Souza
Organização e realização:
José Henrique Rodrigues
João Victor Coser

Transparência Pública
Acesso à informação

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Fernando Ferrari, 514 - Goiabeiras, Vitória - ES | CEP 29075-910